domingo, 15 de fevereiro de 2015

Passo a passo: drenagem linfática manual para diminuir o inchaço

laqueadura_1

Quem sofre com retenção de líquido sabe o quanto é ruim: o corpo fica inchado e, dependendo do grau, pode até ficardolorido em algumas regiões. A drenagem, como o próprio nome diz, é uma forma eficiente de eliminar as toxinasacumuladas embaixo da pele. “Pense nas regiões do corpo como se fossem encanamentos. É preciso desobstruir primeiro perto das saídas, para que a água que vem depois possa ser eliminada também”. “As tais ‘saídas’ são o sistema linfático, responsável por remover os fluidos em excesso dos tecidos corporais”. “A massagem deve ser feita sempre em direção a estas regiões, e é preciso pressioná-las continuamente com os dedos, para que o líquido e as toxinas sejam drenados”. A pressão dos movimentos deve ser moderada, para atingir a camada abaixo da pele. 

Algumas pessoas reclamam que a drenagem deixa a celulite mais aparente. “Isso ocorre porque o líquido acumulado fica em uma camada superficial da pele e a celulite, em uma mais profunda”. “A massagem modeladora, intercalada com a drenagem, traz bons resultados contra a celulite”.

Drenagem linfática nas pernas

Passo_a_passo_drenagem_linftica_manual_para_diminuir_o_inchao

1. Com a perna apoiada em um banco, inicie a massagem pela coxa, em direção à virilha, com uma mão virada em direção contrária à outra. Faça o movimento na região que vai do tornozelo até o joelho, na parte de trás da perna, bombeando atrás do joelho. Repita cada gesto cinco vezes.

Drenagem linfática na barriga

Passo_a_passo_drenagem_linftica_manual_para_diminuir_o_inchao1

2. Com o creme, faça um movimento em espiral, de baixo para cima, da esquerda para a direita, acompanhando o movimento do intestino. Passe as mãos lateralmente, puxando do final das costelas para a frente, dos dois lados. Depois, da lateral da cintura em direção à virilha. Repita a massagem cinco vezes. Por último, empurre a barriga para baixo, em direção à virilha.

Drenagem linfática no bumbum

Passo_a_passo_drenagem_linftica_manual_para_diminuir_o_inchao3_1

3. Com as mãos abertas, faça um movimento de alisar e “puxar” a pele, na parte de trás da coxa, até o bumbum. É preciso subir, e, depois deslizar o movimento do bumbum para a frente, empurrando em direção à virilha. É preciso alisar do bumbum para a lateral, e daí para a frente e para baixo, bombeando sempre a virilha.

domingo, 8 de fevereiro de 2015

Pão de alho para churrasco com pão francês amanhecido

85675_highlight

INGREDIENTES

 

  • 6 pães franceses (médios)
  • 1 vidro pequeno de maionese
  • 2 colheres de sopa de alho picadinho
  • 1 colher de sopa não muito cheia de orégano
  • 1/2 xícara de chá de cheiro verde picado
  • 1/2 xícara de chá de parmesão ralado
  • Sal e pimenta a gosto

 

MODO DE PREPARO

  1. Em um recipiente misture a maionese, o alho, o orégano, o cheiro verde, o sal e a pimenta
  2. Reserve
  3. Faça cortes horizontais no pão francês de maneira a formar pequenas fatias (mais ou menos 4), mas sem desprendê-las umas das outras (como no pão de alho comprado)
  4. Passe a mistura reservada entre as fatias e depois envolvendo todo os pães
  5. Polvilhe sobre os pães o parmesão ralado
  6. Leve à churrasqueira e asse bem de ambos os lados

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Como remover estrias: 3 dicas caseiras que ajudam na missão

eliminar-estrias-em-casa-

As estrias são linhas finas, vermelhas ou esbranquiçadas, que aparecem na pele quando há sobrecarga elástica. 

Diversos fatores podem causar o problema; como ganho repentino de peso, alterações hormonais e, até mesmo, a gestação. Confira algumas dicas de como tratar o problema:

Como remover estrias em casa: melhores dicas

A melhor forma de combater as estrias é trabalhar a favor da prevenção. Para isso, alguns hábitos caseiros podem ajudar:

1.Uso de cremes hidratantes diariamente

A hidratação diária ajuda a aumentar a elasticidade da pele; tornando-a mais resistente e flexível, o que, consequentemente, evita o aparecimento de estrias.

2.Peeling caseiro para estrias

Já o peeling natural funciona como um tratamento caseiro para estrias e é simples de fazer. A receita deve ser usada uma vez por semana, leva apenas dois ingredientes: óleo de oliva e açúcar cristal. Basta misturar e aplicar na pele com movimentos circulares e vigorosos.

3.Óleo de Rosa Mosqueta contra estrias

Já o óleo de rosa mosqueta é outra dica caseira para tratar estrias. O líquido tem grande potencial regenerador e ajuda na recuperação da pele.

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Evite! Dez erros básicos que acabam com a beleza e saúde das unhas

lixa
 
Evite! Dez erros básicos que acabam com a beleza e saúde das unhas

Para ter unhas bonitas é preciso ficar atenta a alguns cuidados diários, que vão da hidratação à maneira correta de esmaltar, e alguns errinhos cotidianos podem colocar tudo a perder. A boa notícia? É simples se livrar dos 10 mais frequentes.

REMOVER A CUTÍCULA

Muitas mulheres acreditam que remover as cutículas ajuda na hora de deixar a esmaltação perfeita, mas o hábito não é considerado saudável. “Tirar é um erro, porque é remover a pele que protege as unhas e não apenas a cutícula. Isso deixa aberto para bactérias e a pele fica mais seca e com aspecto feio”.

ESQUECER A "EMPURRADINHA"

Assim como tirar demais, não tocar na cutícula também pode ser considerado um problema, já que deixa o resultado final bastante a desejar: “Não empurrar a cutícula deixa a aparência feia, mas o ideal é só COLOCAR UM PRODUTO PARA AMOLECER E EMPURRAR UM POUCO”.

Descuidar das mãos

Assim como a pele do restante do corpo, as cutículas precisam de cuidados diários para que suas unhas continuem com um aspecto bonito e saudável. Portanto, invista na hidratação de toda a área: “Não cuidar da cutícula é péssimo porque ela fica dura e grossa, é feio. VOCÊ DEVE HIDRATAR TODOS OS DIAS para que fiquem finas e com saúde, sem pele descolando”.

ACHAR QUE LIXAR AS UNHAS É SUPÉRFLUO

Na pressa é normal deixar de lado o passo de lixar as unhas, mas admita, o resultado nunca fica tão bom quando isso acontece: “É melhor lixar para ter uma forma da unha mais bonita e também para aumentar a fixação do esmalte. Prefira as lixas para unhas naturais, próprias para isso, e LIXE SEMPRE EM UM ÚNICO SENTIDO”.

USAR LIXAS MUITO GROSSAS

Há muitas lixas de unha disponíveis no mercado, tanto para as naturais quanto para quem usa unhas de gel ou postiças. Para acertar na escolha, opte sempre pelas fininhas e mais maleáveis. “A lixa com grão muito grosso QUEBRA A UNHA E ENFRAQUECE, então pegue lixas com grãos mais finos e nunca faça o movimento de ir e vir, porque isso gasta as pontas”.

ESQUECER DE APLICAR BASE

Você se esquece da base? É melhor ficar mais atenta ao produto, que vai proteger a sua unha. “Tem que colocar uma boa base com fortalecedor, porque protege e fortalece. Se você não coloca AS UNHAS AMARELAM E OS COMPONENTES FORTES DO ESMALTE ENTRAM DIRETAMENTE NELAS”.

TENTAR MISTURAR O ESMALTE COM O PINCEL

Pode confessar, em algum momento você já misturou o esmalte no vidrinho antes de aplicar nas unhas. Apesar de parecer inocente, esse É UM DOS MOTIVOS PARA AS BOLINHAS NA ESMALTAÇÃO. “O que acontece quando mistura muito o esmalte é que você muda a textura por conta do ar que entra no vidro. Você deve limpar o pincel devagar dentro do vidro, não pode entrar o ar, além de bolinhas esse hábito também faz o produto secar mais rápido”.

APLICAR CAMADAS INSUFICIENTES

É muito comum que as unhas feitas em casa não fiquem tão perfeitas quanto as do salão, mas isso pode ser culpa da falta de camadas: “Tem algumas pessoas que não colocam a base e só usam uma camada, resultando em uma cor feia e menos durável. VOCÊ DEVE USAR DUAS CAMADAS BEM FINAS, o que deixará a cor mais fiel. Cores mais escuras podem precisar de três camadas, tem que observar”

NÃO USAR FINALIZADOR

Ainda não é adepta do top coat? Inclua esse produtinho na sua lista de produtos se quiser mais durabilidade e brilho. “Sempre coloque um TOP COAT DE QUALIDADE E HIDRATE A CUTÍCULA com uma gotinha de óleo quando o esmalte estiver seco, fazendo uma massagem, para dar brilho no esmalte e deixar mais durável”.

ESCOLHER O REMOVEDOR ERRADO

O removedor à base de acetona costuma ganhar adeptas pela praticidade de retirar o esmalte mais rápido, mas ele é um verdadeiro vilão das suas unhas: “O ideal é usar sem, porque ELA ELIMINA A OLEOSIDADE NATURAL DAS UNHAS, ressecando e quebrando mais fácil. Há muitas marcas no mercado, de todos os preços, então é fácil mudar”.