sábado, 14 de julho de 2012

Especial férias de julho: Rosanne Mulholland, a Professora Helena de Carrossel





SBTpedia: Na primeira década dos anos 2000, você chegou a ser chamada de “queridinha do cinema nacional”, por estar presente em vários filmes nesse período como Falsa Loura e Nosso Lar. Agora, com mais trabalhos na TV, você pretende investir nas novelas ou o cinema ainda terá espaço certo na sua carreira?
Rosanne Mulholland: Na verdade, Nosso Lar veio bem depois desse período de 1 ano em que filmei Meu Mundo em Perigo, Nome Próprio, Magnata e Bellini e o Demônio, além de Falsa Loura. Após tantos filmes nesse curto período de tempo, surgiu esse reconhecimento do meu trabalho. Amo fazer cinema e não pretendo parar nunca. O ideal é conseguir conciliar cinema, teatro e TV.


SBTpedia: Já há alguma repercussão nas ruas, entre amigos e familiares sobre a sua personagem em Carrossel?
Rosanne Mulholland: Muitos dos meus amigos acompanhavam a novela e estão muito felizes pelo papel que conquistei.

SBTpedia: Você fará par romântico com o ator Gustavo Wabner. Você já o conhecia? O que o público pode esperar da relação dos dois na novela?
Rosanne Mulholland: Não o conhecia até algumas semanas atrás. Podem esperar muita confusão nesse relacionamento. A professora Suzana vai garantir muitos desencontros entre os dois.

SBTpedia: O SBT já teve experiências de êxito com tramas infantis anteriormente, tanto com a versão mexicana de Carrossel, como com versão brasileira de Chiquititas. Você chegou a acompanhar alguma delas? Para você, o que pode ser determinante para o sucesso de uma trama desse tipo?
Rosanne Mulholland: Eu assisti muito Carrossel na minha infância, mas agora os tempos são outros. Temos internet e TV a cabo. Temos que dialogar com as crianças de hoje, que têm muito mais informação, são mais rápidas e dispersas. Acredito que o diferencial de Carrossel é resgatar a inocência e a imaginação das crianças falando a linguagem delas.


SBTpedia: Existem personagens tão marcantes nas novelas, que o sucesso do trabalho determina o ator a levar consigo esse personagem pelo resto da carreira. A própria Gabriela Rivero, que fez a Professora Helena na versão mexicana convive com isso até hoje. Você vê isso como um ponto positivo ou negativo na carreira de um ator?
Rosanne Mulholland: Acho que é um ponto positivo ter um personagem marcante. Não acho que impede alguém de fazer bem outros papéis.

SBTpedia: O que tem de semelhante e diferente entre a Professora Helena mexicana e você, como Professora Helena de Carrossel Brasil? Você teme comparações do público com a versão original?
Rosanne Mulholland: As comparações são inevitáveis, mas estamos em outros tempos e em outro país. Minha professora é um pouco mais moderna e alegre, sem perder a doçura e a ingenuidade da professora mexicana.

SBTpedia: E como está sendo a sua relação com as crianças? Há um carinho especial por algum ator (atriz) específico?
Rosanne Mulholland: Adoro trabalhar com as crianças, temos uma relação de muito carinho. Cada dia tenho vontade de levar uma delas pra casa.

SBTpedia: Muito embora Carrossel seja repleta de crianças, você acredita que a novela tem potencial para atingir o público adulto?
Rosanne Mulholland: Acredito que sim, a novela está muito divertida e aborda temas relativos a qualquer idade.

SBTpedia: Para finalizar, deixe uma mensagem para o público que acompanha o nosso blog e que está ansioso para estreia de Carrossel.
Rosanne Mulholland: Sejam bem-vindos ao nosso Carrossel e segurem-se bem, serão muitas emoções!

Fonte : SBTpédia.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário